CNF ao vivo - Aeroporto de Confins em tempo real

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Programação da chegada da taça da Copa do Mundo FIFA em Belo Horizonte


Foi divulgada hoje (17) a data e horário da chegada da taça da Copa do Mundo FIFA 2014 em Belo Horizonte. O MD-83 da companhia aérea dinamarquesa Danish Air Transport, irá pousar em Confins no próximo dia 28 e segue para Salvador no dia 30. Confira a programação.

MD-83 da Danish que irá percorrer o Brasil. Foto Pawel Cieplak via Airliners.net

28/04/14 DX 2014 POA 0030 CNF 0245 MD83
30/04/14 DX 2014 CNF 0030 SSA 0215 MD83


segunda-feira, 14 de abril de 2014

Gol solicita voo entre Confins e São Luís

A Gol Linhas Aéreas solicitou à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), uma ligação direta entre Confins e São Luís, no Maranhão. A nova ligação será operada pelos Boeing 737-800 da companhia e ainda aguarda a aprovação da agência. Confira os horários.

Boeing 737-800 GOL Linhas Aéreas PR-GUM
Gol passa a realizar nova ligação entre Confins e São Luís (MA) com seus Boeing 737-800


A partir de 21/07/2014

G3 2138 CNF 2330 SLZ 0220 Exceto Sábado 738
G3 2139 SLZ 0345 CNF 0640 Exceto Domingo 738

SLZ = São Luís (MA) 


sábado, 12 de abril de 2014

Giro Semanal

Do Chile e para o Chile

Depois da chilena Sky Airline iniciar sua operação entre Santiago e São Paulo e anunciar o segundo voo diário na rota a partir de junho, agora é a vez da Gol requisitar sua fatia no bolo. A companhia teve aprovado seu pedido de 14 frequências semanais entre Brasil e Chile e vai operar pelo menos 7 delas a partir do Aeroporto Internacional de Guarulhos. A TAM, que junto com a LAN Airlines lidera o mercado entre os dois países, não esperou a festa e já anunciou a reação - uma nova rota ligando diariamente Porto Alegre à capital chilena, a partir de outubro. A disputa promete continuar quente nos próximos anos, já que a Sky afirma ter interesse em operar voos diretos para Belo Horizonte, Brasília e Porto Alegre.

TAM Divulgação
Monopólio quebrado - O grupo LATAM ganha duas concorrentes entre Brasil e Chile.

Pegou mal

Que as obras dos principais aeroportos não ficarão prontas para a Copa 2014 todo mundo já sabia, mas a solução foi conhecida essa semana durante a assinatura do contrato de concessão do terminal de Confins-MG. O presidente da Infraero, Gustavo do Vale, disse que a estatal pretende "tapear" as obras para que fiquem com um aspecto melhor durante o mundial. Em poucas horas o discurso já circulava como mais uma triste pérola da gestão federal. No dia seguinte uma nota de esclarecimento aumentou ainda mais o constrangimento. A assessoria disse que na verdade o presidente se confundiu, a palavra correta seria "etapear", de colocar em etapas, que por enquanto não figura nos dicionários.

Caso JJ3054

A Procuradoria da República entregou na última sexta-feira as alegações finais sobre o acidente com o voo 3054 da TAM em São Paulo. No processo a ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), Denise Abreu, e o ex-diretor de segurança de voo da TAM, Marco Aurélio Miranda e Castro são considerados os responsáveis pela tragédia que matou 199 pessoas em 2007. O procurador Rodrigo de Grandis pediu pena de até 24 anos de prisão, em regime fechado, pelo crime de atentado contra a segurança do transporte aéreo, em conduta dolosa. O Ministério Público Federal entende que os acusados assumiram os riscos ao ignorar as condições instaladas no Aeroporto de Congonhas na época do acidente.

Zona da Mata I

A Azul encerrou no último dia 4 as operações no aeroporto Francisco de Assis e passou a servir Juiz de Fora-MG utilizando apenas o Aeroporto Presidente Itamar Franco, localizado entre Goianá e Rio Novo. Em novembro a companhia já havia retomado a ligação entre Confins e o regional da zona da mata, mas vinha mantendo no Serrinha os voos para Campinas. Segundo comunicado a decisão de migrar todas as operações foi tomada em função dos constantes problemas operacionais causados por fatores meteorológicos e que a medida visa preservar a segurança.

Zona da Mata II

E o Aeroporto Presidente Itamar Franco poderá ganhar novos voos. A Gol estaria avaliando a operação em Juiz de Fora utilizando o aeroporto regional, único da região capaz de receber os Boeing 737 que integram a frota da companhia. Uma equipe técnica esteve no aeroporto na última semana e uma reunião entre representantes da prefeitura e executivos da aérea deve acontecer em breve. Ainda não existem informações sobre os possíveis destinos, mas é natural que Belo Horizonte e São Paulo estejam no radar.

sexta-feira, 11 de abril de 2014

LAN e TAM realizam traslados em Confins

A LAN Peru, realizou na última terça-feira (8) mais um traslado entre Lima, no Peru, e Confins. O Airbus A319, matrícula CC-BCA, seguiu para São Carlos (SP) na quarta-feira (9).

Outra aeronave em traslado que passou por Confins foi o Boeing 767-300 da TAM, matrícula PT-MSV, nessa sexta-feira (11). O Boeing veio de Santiago, no Chile, onde realizou o processo de check de manutenção nas instalações da LAN. Confira as fotos.

Airbus A319 LAN Airlines CC-BCA
Boeing 767-300 TAM Linhas Aéreas PT-MSV

quinta-feira, 10 de abril de 2014

BH Airport detalha transição e divulga marca

Marca reforça a imagem do aeroporto como o principal de  Belo Horizonte.

A BH Airport detalhou nesta quarta-feira as próximas fases a serem cumpridas no processo de transição da gestão do Aeroporto Internacional Tancredo Neves. Em comunicado feito pela CCR S/A a concessionária lançou também a sua marca, inspirada no terminal e nas marcas Zurich Airport e Munchen International.

A estratégia dos novos operadores é transformar o complexo em uma cidade aeroportuária, oferecendo facilidades que vão firmar o aeroporto como um hub nacional, principalmente no transporte de cargas, com estrutura para atender todo o entorno da capital mineira.

"Acreditamos e parabenizamos o Governo Federal pela iniciativa de concessão, que é essencial para minimizar os gargalos da infraestrutura do país e ajudar o Brasil a crescer e se desenvolver cada vez mais. Confiamos nos bons resultados da parceria entre governo e iniciativa privada em prol do desenvolvimento econômico e social e, nesse sentido, temos certeza que a parceria com a Infraero, com toda a sua experiência, será fundamental." afirma Paulo Rangel, diretor-presidente da BH Airport.

Raio-X

Confins é hoje o 5º aeroporto mais movimentado do país, tendo recebido 10,3 milhões de passageiros em 2013, em cerca de 109 mil voos domésticos e internacionais. Inaugurado em março de 1984 o terminal tem hoje uma área de 53,9 mil m² onde atuam 8 companhias aéreas, sendo 4 internacionais. 

Os investimentos são estimados na ordem de R$3,5 bilhões. Até 2016 serão executadas as principais obras, como a construção do Terminal de Passageiros 2, com 14 pontes de embarque, um edifício-garagem com 2.500 vagas, novos pátios com capacidade para 44 aeronaves, sendo 37 da categoria Boeing 737/Airbus A320 e outras 7 da categoria Boeing 747. A segunda pista de pousos e decolagens tem prazo de construção até 2020 ou quando o terminal atingir a marca de 198 mil movimentos por ano.

Fases operacionais

O primeiro estágio é o de preparação. A partir da assinatura do contrato a concessionária tem 30 dias para entregar à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) o Plano de Ações Imediatas (PAI) e o Plano de Transferência Operacional (PTO). A agência tem mais 20 dias para avaliar e aprovar os planos apresentados.

Cumpridas as exigências da primeira etapa, o terminal entra fase de operação assistida, cuja duração aproximada é de 70 dias. Nesse período a Infraero vai operar com a assistência da concessionária.

Passada a segunda fase será iniciada a operação de transição, que deve durar de 3 a 6 meses. Nesse terceiro estágio, com início previsto para agosto de 2014, a concessionária passa a operar o terminal com a assistência da Infraero. Terminada a transição a estatal sai completamente da gestão e permanece apenas como sócia.

Plano de Ações Imediatas (PAI)

Nos primeiros 30 dias após a aprovação do plano deverão ser feitas a revitalização e atualização das sinalizações aos usuários, revisão dos sistemas de escadas rolantes, elevadores e esteiras de bagagens, melhoria no sistema de iluminação das vias de acesso, estacionamentos e terminais de passageiros e carga, e a revisão do sistema predial de combate a incêndio.

Em mais 60 dias serão feitas melhorias nos banheiros e fraldários do saguão e das salas de embarque e desembarque, implantação de internet sem fio de alta velocidade em todo o terminal, tratamento e recuperação dos pisos, instalação de câmeras de segurança nos estacionamentos, manutenção e eliminação de vazamentos e infiltrações, correção de desgaste e manchas nas paredes e forros do terminal.

Completados 60 dias de operação da concessionária, previsto para outubro, deverão ser feitas melhorias no sistema de transporte para embarque e desembarque em posições remotas, adicionando ou substituindo os veículos caso necessário, ampliação das opções de alimentação para o passageiro, entre outras ações de infraestrutura.